sábado, 18 de novembro de 2017

[Lançamentos] Editora Coerência

Oioi pessoal, como vocês estão?

Hoje estou aqui para conversar com vocês sobre os lançamentos de novembro da Editora Coerência, tem várias coisas incríveis, como sempre, vamos lá?


Título: Amor Abstrato
Autora: Daya Alves
Sinopse: Marcados por traumas do passado, Jaque e Léo cresceram juntos, curando as feridas um do outro com a amizade típica de duas crianças. Eram diferentes em tudo. Ele, filho do patrão, e ela, filha da empregada. Com o passar dos anos, conforme Léo se tornava um típico bad boy que aproveita ao máximo cada segundo de sua existência, Jaque lutava contra as adversidades, confiante de que alcançaria seus objetivos.
Suas escolhas os separaram, mas uma grande tragédia os uniu. E caberá a Jaque utilizar de todo o seu esforço para não deixar que Léo se perca de vez na escuridão que tomou conta de sua vida.
Poderia a fé, o amor e a esperança, apaziguarem as dores da alma daquele que ela sempre amou em segredo? Jaqueline acredita que sim e embarcará nessa incrível jornada, lutando com as armas que conhece, para guiar seus passos de volta à felicidade.

sexta-feira, 17 de novembro de 2017

[Resenha] As Perguntas, Antônio Xerxenesky

Título: As Perguntas
Autor: Antônio Xerxenesky
Editora: Companhia das Letras (cortesia)
Páginas: 184
Onde comprar: Amazon

As Perguntas, escrito pelo autor nacional Antônio Xerxenesky e lançado pela Companhia das Letras, nos apresenta à história de Alina, uma jovem que, desde criança, vê vultos. Hoje, ela é doutoranda em história das religiões, especializada em tradições ocultistas e ateia. Por conta de sua criança e sua ‘não crença’, ela acredita que esses vultos são simplesmente vestígios de sonhos interrompidos.

Acordar, infelizmente, é algo pesaroso para ela, que passou por muitos problemas e vive uma vida que não esperava: estagnada e não trabalhando naquilo que ama. Ela reside na capital de São Paulo, trabalha editando vídeos de vídeos de forma automática e tenta encontrar um sentido para a vida.

quinta-feira, 16 de novembro de 2017

#PorQueEuLeio

Oioi pessoal, tudo bem?

Hoje estou aqui para conversar com vocês sobre o livro #PorQueEuLeio, lançado pela HarperCollins Brasil, vamos lá?


#PorQueEuLeio é um livro pequenino, de capa dura e interativo. Este é um livro feito para quem gosta de livros – Sério, Bruna? Como se todos os livros não fossem assim! –. Eu sei que todos os livros são assim, mas este é especial.

quarta-feira, 15 de novembro de 2017

[Resenha] A Escolhida, Amanda Ághata Costa - A Escolhida #1

Título: A Escolhida 
Autora: Amanda Ághata Costa (Cortesia)
Série: A Escolhida #1
Editora: Arwen  
Páginas: 452
Onde comprar: Amazon

"ninguém conseguiria supor quem ela é e o que gosta de fazer: um anjo com sede de sangue, sempre disposta a ceifar novas vítimas".

E se eu te disser que nesta maravilhosa obra nos deparamos com uma banida dos anjos?

Ninguém nunca quis Ari por perto e ela nunca entendia o motivo para esta exclusão. Sendo assim a consequência só restava viver na solidão.

Diante do que ela passou, adquiriu uma personalidade forte: não gosta de seguir regras - sim, é a revoltada hahahaha - e sempre vai contra os padrões. Ari é uma pessoa bastante difícil de lidar...

terça-feira, 14 de novembro de 2017

Tartarugas até lá embaixo, John Green

Oioi pessoal, como vocês estão?

Vamos conversar um pouco sobre Tartarugas até lá embaixo, do John Green?


Há seis anos John Green não nos presenteava com nenhuma história nova. Ele fez muito sucesso com vários livros e adaptações, um troféu sucesso para A Culpa é das Estrelas. Cheguei a pensar que ele não escreveria mais, que tinha se aposentado, sei lá, mas aí veio a surpresa: seria lançado Tartarugas até lá embaixo. Um livro de cunho extremamente pessoal que traz a história de Ava Holmes, uma jovem adolescente que lida com o temido Transtorno Obsessivo-Compulsivo (TOC). Aza sai com sua amiga, Daisy, em busca de pistas para desvendar o misterioso desaparecimento de um bilionário da região onde moram.

segunda-feira, 13 de novembro de 2017

[Resenha] Rafani, Sinéia Rangel

Título: Rafani
Autora: Sinéia Rangel
Editora: Coerência (cortesia)
Páginas: 446
Onde comprar: Amazon (e-book) | Loja da Editora (físico)

Rafani, escrito pela autora nacional Sinéia Rangel, nos apresenta à história de Sam Allencar, um homem de 25 anos e cafajeste assumido. Ele é viciado em mulheres, vinho e sexo e não se vê casando, final, ele não achou sua exceção ainda. Tudo muda quando ele conhece uma mulher, no dia do casamento de sua irmã, que não demonstra desejo por ele, mesmo ele insistindo.

Sam conhece essa mulher num momento que define sua vida: ele está se escondendo da irmã, pois foi para a cama com todas as damas de honra e ela quer mata-lo, literalmente. Apesar de ele seguir sua vida, não consegue esquecer aquela enigmática mulher.

domingo, 12 de novembro de 2017

To be Read - Novembro/2017

Oioi pessoal, como vocês estão?

Ainda dá tempo de fazer a TBR? – Sim estou atrasada para caramba! 😂 – Mas antes tarde do que nunca haha. Esse mês, quem escolheu minha TBR foram vocês lá no Instagram. Abri nos stories a votação, então, se vocês não me seguem, me sigam para não perder nada (@umoceanodehistorias). Esse mês, escolhemos apenas quatro livros, apesar de eu precisar ler mais, confesso, vamos lá?

Ninguém nasce herói, Eric Novello
Num futuro em que o Brasil é liderado por um fundamentalista religioso, o Escolhido, o simples ato de distribuir livros na rua é visto como rebeldia. Esse foi o jeito que Chuvisco encontrou para resistir e tentar mudar a sua realidade, um pouquinho que seja: ele e os amigos entregam exemplares proibidos pelo governo a quem passa pela praça Roosevelt, no centro de São Paulo, sempre atentos para o caso de algum policial aparecer. Outro perigo que precisam enfrentar enquanto tentam viver sua juventude são as milícias urbanas, como a Guarda Branca: seus integrantes perseguem diversas minorias, incentivados pelo governo. É esse grupo que Chuvisco encontra espancando um garoto nos arredores da rua Augusta. A situação obriga o jovem a agir como um verdadeiro super-herói para tentar ajudá-lo — e esse é só o começo. Aos poucos, Chuvisco percebe que terá de fazer mais do que apenas distribuir livros se quiser mudar seu futuro e o do país.