Featured Slider

[Resenha] Como eu imagino você, Pedro Guerra


Título: Como eu imagino você
Autor: Pedro Guerra
Editora: Gutenberg
Páginas: 190
Onde comprar: Amazon

“Não sei quem inventou a ansiedade, mas se eu soubesse, teria umas coisas nada legais para dizer.”

Como eu imagino você é um livro que teve um hype bastante grande em seu lançamento e que estava há tempos em minha lista de desejados. Quando surgiu a oportunidade de ler, não pensei duas vezes e fiz o livro furar a fila, mas tomei um banho de água fria, acalmem-se que vou explicar melhor.

Esse livro nos apresenta à história de Helena, uma jovem adolescente que possui uma doença rara diagnosticada em sua infância. Ela está perdendo a visão e as chances de ela perder completamente a visão são bastante altas. Mas, não pensem que isso a abala, ela segue sua vida da melhor forma possível, mas tem uma coisa que a está incomodando: sonhos frequentes com um mesmo rapaz.

[Série] La casa de papel


Oioi pessoal, como vocês estão?

Quem acompanha o blog sabe que, ultimamente, estou uma viciada em séries. Meu vício mais recente é La casa de papel, uma série espanhola que eu não achava que valia de nada, mas que me conquistou completamente.


La casa de papel nos apresenta a uma história sequencial, ou seja, um episódio acontece logo após o outro – e poderiam virar um compilado num filme mega longo que eu não me importaria. A trama é narrada por Tóquio, uma ladra, que é recrutada, junto de outros sete criminosos, por um homem que se chama Professor. O intuito deles é invadir a Casa da Moeda da Espanha.

[Resenha] O garoto dos olhos azuis, Raiza Varella - Encantados #1

Título: O garoto dos olhos azuis
Série: Encantados #1
Autora: Raiza Varella
Editora: Pandorga
Páginas: 376
Onde comprar: Amazon

"E também tem o garoto dos olhos azuis… Ele foi o maior culpado por tudo ter dado tão errado na minha vida. E também por ter dado tão certo.
Mas vamos voltar ao início. Aproveite, eu ainda estava feliz nessa época, bem no comecinho, porque depois você vai rolar ladeira abaixo, bem ao meu lado."

A vida de Bárbara parecia ser um conto de fadas: ela tinha uma família perfeita, um namorado por quem era apaixonada, e, para fechar com o felizes para sempre, a grande cereja do bolo seria o dia de seu casamento com Miguel, o príncipe que aparecera para ela em um cavalo branco, não literalmente, é claro, e era um sonho que ela acalentava desde os seis anos de idade. Porém, ao entrar na igreja, ela descobre que o príncipe não existe, e que no lugar dele há apenas o cavalo, com um ogro em cima, e que o cavalo está prestes a atropelá-la, com a notícia de que o ogro está tendo um caso... E o pior de tudo? a traição é com a sua melhor amiga. Desolada e sem rumo, não lhe resta outra opção senão fazer as malas e partir levando seu cachorro a tiracolo, para a casa de sua família em Garopaba, cidade que lhe traz diversas lembranças da sua adolescência. Porém, após alguns dias lamentando a vida e o destino, Bárbara decide que está cansada de ficar no lugar que lhe traz antigas lembranças, e então resolve ir para Florianópolis, passar um tempo no apartamento dos irmãos.

Livros nacionais que pretendo ler


Oioi pessoal, como vocês estão?

Eu estou muito antenada em diversos livros atualmente, mas, principalmente, em alguns de autores brasileiros. Em vista disso, decidi fazer esse post com alguns livros nacionais que estou ansiosa e curiosa para ler, vamos conferir?

Simples Assim, Martha Medeiros
Acordou mal-humorado? Respire fundo, abra a janela e pense que no final do dia você encontrará seus amigos para um happy e dará boas gargalhadas. O carro quebrou no meio da rua? Sinalize e espere o guincho em segurança. O namoro está mais para morno? Chegou a hora de pôr um fim a relacionamentos que não levam a nada. Está achando a vida um marasmo, sempre fazendo as mesmas coisas, vendo as mesmas pessoas e não aguentando mais ver sua cara de cansaço no espelho? Dê uma guinada.
Simples assim.
Martha Medeiros, uma das maiores cronistas do país, não tem solução para seus problemas, mas, com seu olhar afiado, aponta essas pequenezas da vida que tanto trabalho nos dão e nos faz lembrar uma máxima muitas vezes esquecida: a vida está aí para ser vivida. Simples assim.
Convidada frequentemente para participar dos principais programas de tevê do país, Martha é um dos poucos nomes da literatura brasileira em atividade a conjugar tão bem o macro com o micro: a vida contemporânea e suas impressões sobre um livro, Londres e uma lembrança da adolescência, um desastre aéreo do outro lado do mundo e o impacto de um filme, a saída dos filhos de casa e uma metáfora entre sutiãs e separações.
Mas não é a vida justamente esse encontro, muitas vezes em rota de colisão, entre o macro e o micro? Nestas cem crônicas, transbordam a perspicácia, o olhar atento e a sensibilidade aguçada de uma das escritoras que melhor nos entende.

[Resenha] Sempre faço tudo errado quando estou feliz, Raquel Segal


Título: Sempre faço tudo errado quando estou feliz
Autora: Raquel Segal
Editora: Planeta | Selo: Outro Planeta (cortesia)
Páginas: 160
Onde comprar: Amazon | Saraiva

“Não deixe que o seu medo de ficar sozinho
Te permita continua ao lado
De quem não merece sua companhia”

Sabe quando você quer loucamente escrever uma resenha, para indicar um livro, mas seus dedos não conseguem encontrar as teclas corretas e você sabe que, por mais que fique em frente ao computador e tente fazer isso funcionar, as chances dessa resenha ficar sem pé nem cabeça são muito altas.

[Lançamentos] Faro Editorial


Oioi pessoal, como vocês estão?

Hoje vim conversar com vocês sobre os lançamentos de Fevereiro da Faro Editorial. São dois livros, um que é uma continuação muuuuito aguardada e outro que promete ser o livro mais amorzinho do mundo, vamos conferir?

Título: A era dos mortos – Parte 1
Autor: Rodrigo de Oliveira
Compre: Amazon
Sinopse: E os humanos descobrem que a pior desgraça não são os zumbis...Vários anos se passaram desde que Uriel, agindo como um tirano, assumiu o controle da maior colônia de sobreviventes do apocalipse zumbi na Terra. Ivan, Estela e quase todos os seus aliados estão mortos. Do grupo original, apenas Isabel, Mariana e alguns poucos conseguiram escapar de Ilhabela. E a cada dia, a fome de poder de Uriel e de seu filho, Otávio, aumenta, tornando a vida dos sobreviventes ainda mais penosa. O trabalho escravo se torna a regra A cobrança de mais e mais tributos e a imprevisibilidade do poder central mantêm todos em constante alerta. Otávio, que passou anos realizando pesquisas médicas, finalmente consegue um meio de controlar os bersekers, os zumbis monstruosos, transformando-os em cães de caça. É a sua forma de assegurar a permanência no comando da comunidade, mas também de destruir, pelo medo, qualquer intenção de resistência. Então, ele produz algo ainda pior, uma criatura feroz e diabólica com o poder de destruição em massa. Há muito em jogo. O governo central ainda considera Isabel uma grande ameaça, seja viva, ou morta-viva, o que poderia transformá-la numa nova Senhora dos Mortos. Mas, duas crianças chamam a atenção de Isabel que decide prepará-las para batalhas ainda mais sangrentas. Serão elas a esperança para o fim daquela era de medo e destruição? A derradeira batalha está para começar, mas os inimigos, humanos e zumbis, também têm suas surpresas. Sejam bem-vindos a uma nova era de horror e violência. Esta é... a Era dos Mortos.

[Resenha] Deixada para trás, Charlie Donlea


Título: Deixada para trás
Autor: Charlie Donlea
Editora: Faro Editorial (cortesia)
Páginas: 368
Onde comprar: Amazon | Saraiva

Se suas expectativas com A garota do lago te afogaram nas águas profundas da linguagem do Donlea, Deixada para trás te fará entrar em surtos momentâneos a cada revelação.
Nicole Cutty e Megan McDonald são alunas do ensino médio na pequena cidade de Emerson Bay, Carolina do Norte. Quando elas desaparecem de uma festa na praia em uma noite quente de verão, a polícia inicia uma busca maciça. Nenhuma pista é encontrada e a esperança é quase perdida, até Megan milagrosamente aparecer depois de escapar de um bunker no fundo da floresta.
Quando a Faro lançou Deixada para trás eu surtei, porque conhecia a escrita do autor e sabia que não me arrependeria com essa outras leitura. Donlea tem um jeito único de trabalhar o thriller psicológico enverado pelo lado policial. Apesar de não ler tantos livros do gênero, faço questão de passar todas as leituras a frente com as obras do Charlie. E mais uma vez, a Faro Editorial no surpreende com uma edição incrível e um enredo que vicia o leitor página a página.