[Resenha] Frida e Trótski: A história de uma paixão secreta, Gérard de Cortanze

Título: Frida e Trótski: A História de uma paixão secreta
Autor: Gérard de Cortanze
Editora: Planeta (cortesia)
Páginas: 288
Onde comprar: Amazon

Apesar de não ler biografias, eu precisava conhecer a história secreta de uma paixão! Gérard abre as cortinas da vida de Frida e Tróstki nos fazendo sentar e assistir esse espetáculo, para entender as lacunas e as polêmicas que permeiam a vida de uma das mulheres mais emponderadas que a nossa sociedade já ouviu falar.

“Por que preciso de pés para andar se tenho asas para voar?”

Apesar de não ler tantas biografias, eu tinha que ter o contato com esta! Ao observar o jogo de cores da obra lançada pela planeta, me vi apaixonada e tentada a conhecer a vida secreta de Frida. Na universidade estudei um pouco sobre ela, mas a imagem perpassada pelas gerações eram de uma mulher triste, amarga e vencida pela peripécias do marido Diego Rivera. Por outro lado, a obra escrita do Gérard desenha uma Frida Kahlo cheia de cores, cultura e segredos.


Inicialmente, a obra narra a vinda de Natalia e Trótski em busca de proteção por parte do governo mexicano. A instabilidade da época os tornaram perseguidos, mas aceitos pelo país desde que eles não se envolvessem com politica ou chamassem atenção. Dessa forma, o casal realizou breves trabalhos para que tivessem um período de paz. Quem os recebe é nada mais nada menos que Diego e Frida. 

No primeiro momento a troca de olhar Trótski e Frida foram inevitáveis. Agora não pensem que partiu dela, mas sim dele. O homem mal pisou em território mexicano e já emitia faíscas para outra mulher. E que MULHER. Eles ficaram hospedados na casa azul, onde moravam os seus recebedores. Pelo pouco que pesquisei sobre a vida de Frida, esta casa é um museu muito conhecido no México. Seu marido, não cuidava e nem protegia a mulher. Seu contentamento era traí-la com outras mulheres, mas não aceitava sob nenhuma hipótese ser traído.

Resultado de imagem para a casa azul

Apesar dos medos e receios, Frida mantinha um romance secreto com Leon. Confesso que torci pelos dois, porque era uma relação tenra e cheia de intimidade. Ambos tentaram manter as aparências de que nada existia, mas havia boatos que confirmavam essa relação. Será que ela foi descoberta?

Até aqui, me limito a revelar pontos chaves do livro, porque há uma magnitude nos diálogos em que os leitores de biografias, apaixonados pela cultura e pela vida de Frida Kahlo precisam conhecer. Os personagens são cheios de cores e vida, principalmente ela. Nessa obra eu pude conhecer um lado da artista que antes eu desconhecia. E, que apesar das futilidades dos relacionamentos ela pode expressar seu "eu" através de suas obras.

“O México, na sua superfície, é muito agradável. O sol brilha todos os dias, lindas flores decoram as árvores, há uma festa em cada esquina, mas na realidade esse lugar exala uma atmosfera cruel, penosa, destruidora”.
É uma biografia rica em detalhes que merecem ser estudados por críticos literários, alunos de história ou os desejosos pela vida e obra de Frida.  De fato, podemos confiar na visão do Gérard, porque ele tenta se manter imparcial com seus sentimentos, mesmo acreditando que ele busca deixar a sua marca sobre ela.

Para ler o livro, busquei pesquisar um pouco sobre a vida de Frida e Leon de modo separado, talvez isto tenha feito a leitura demorar um pouco mais. Tentei me manter imparcial sobre o passado deles, antes de se conhecerem. A editora produziu uma relíquia, porque há referências de obras de Frida  que demonstram um pouco sobre sua vida. Não há erros nesta edição, a gramatura da obra é belíssima, bem com a escolha de fonte e criação de capa. É um livro para ter em sua estante e presentear seus amigos ao redor.


Classificação:

4 comentários

  1. Olá! Desde que eu vi um filme da Frida por acidente, eu sempre me interesso muito sobre ela e sua vida. Eu acho a história dela muito profunda e complicada, e encontrar um livro assim, que dê alguma luz e nos mostre um pouco da vida dela de verdade, é tão animador! Eu gosto de pensar que ela teve um amor mais doce e fácil do que a relação que tinha com seu marido Diego. Amei a dica!



    Bjoxx ~ www.stalker-literaria.com

    ResponderExcluir
  2. Olá!
    Primeiramente gostaria de dizer que amo a Frida, ela é uma mulher tão forte e inspiradora que não cabem em palavras.
    Já li uma obra sobre ela e a sua dica me deixou interessada, já vi o livro na livraria, mas ainda não tive a oportunidade de ler.
    Vou adicionar na minha lista de leitura, afinal, tudo o que envolve a Frida é sempre bem-vindo.

    beijos - Anne and Cia.

    ResponderExcluir
  3. Oi, Amanda!
    Muito bacana uma biografia que passa quase a imagem de um livro de ficção e apresenta facetas diferentes e mais positivas e alegres do que muitos costumam ressaltar sobre pessoas que marcaram a história, nesse caso a Frida. Uma boa ideia você ter unido a leitura à pesquisa individuais sobre o Leon e ela a fim de manter uma certa imparcialidade também. Para quem a admira e se inspira nela, é uma ótima dica de presente tanto para conhecê-la por outro ângulo como pela edição que parece estar mesmo linda pela foto! ^_^
    Beijos!

    ♥ Sâmmy ♥
    ♥ Sonhando aos Vinte ♥

    ResponderExcluir
  4. Olá, a capa desse livro chama muito a minha atenção. Ficou ótima a sua resenha. É uma leitura que eu faria por ter vontade de conhecer mais sobre a Frida.

    ResponderExcluir