quarta-feira, 11 de outubro de 2017

[Resenha] Mister O, Lauren Blakely

Título: Mister O
Autora: Lauren Blakely
Editora: Faro Editorial (cortesia)
Páginas: 272
Onde comprar: Amazon | Saraiva

Mister O, escrito pela autora Lauren Blakely, nos apresenta à história de Nick Hammer. Ele é lindo, rico e tem muitas mulheres aos seus pés, que não esperam nada além do melhor sexo de suas vidas regados à vários orgasmos. Isso tudo se deu graças ao seu personagem, Mister Orgasmo, que saiu das páginas dos gibis e tem um programa de televisão. Ele é poderoso, importante, mas, que tudo entra em risco quando Harper Holiday, irmã de seu melhor amigo, lhe faz um pedido: que ele dê aulas sobre como namorar. Como ele pode fazer isso sem se envolver? Caso se envolva, como esconder isso do seu melhor amigo?

Todos que me conhecem, sabem que o gênero erótico não é algo que me chama a atenção. Normalmente, não curto livros do gênero, mas aí vocês devem se perguntar: Por que decidiu ler Mister O então? Bem, o primeiro motivo é que quero sair da minha zona de conforto, o segundo é que eu só ouço elogios para os livros dessa autora, principalmente, com relação à parte divertida do livro. E, bem, elas estão certas.

“Dizem que os homens pensam em sexo 99,99% do tempo. Não questionarei isso. Por que eu tentaria? É bastante exato, sobretudo quando consideramos que o 0,01% restante da capacidade mental está dedicado a encontrar o controle remoto.”

Mister O foi, portanto, uma surpresa que veio por conta do conjunto da obra e não pela história, uma vez que a história é bastante clichê. Nick é um personagem hilário, apaixonado pelo que ele faz e apaixonado pela vida e por dar prazer às mulheres. Mas, além disso, ele é inteligente. Ele faz palavras cruzadas aos domingos (!!!).


Já a Harper, além de engraçada, é encantadora. Mágica, trabalha em festas infantis e tem sérios problemas para se comunicar com homens por quem ela tem uma paixão, por assim dizer. Esse é uma das características dela que torna o livro ainda mais engraçado. O Nick acredita que ela não gosta dele, porque não tem problemas em conversar com ele, então, ele quer fazer o possível e impossível para levar tudo na esportiva. 
“Falar com a Harper é tão fácil, tão agradável... É como respirar. Meu coração bate forte enquanto tento memorizar a expressão em seus olhos, a minúscula faísca dançando através de todo aquele azul-safira, o que me faz acreditar que ela deve sentir o mesmo.”

Quando começamos a ler, já podemos imaginar o que vai acontecer nele, mas isso não incomoda, porque é muito bacana ver um livro desse gênero pelo ponto de vista masculino. Não tem algumas frescuras que vemos em livros nesse estilo narrados pelo ponto de vista feminino.


Minha única ressalva para esse livro é o final. Durante toda a trama, a autora nos apresenta uma situação problema que, aparentemente, seria resolvida apenas no final, mas, faltando poucas páginas para a conclusão do livro, ela nos joga outra situação problema e isso fez com que eu ficasse: Whaaaat? No mais, todo o livro é bem trabalhado. É engraçado e impossível parar de ler. Só que é um livro regado a cenas de sexo e, portanto, não indicado para menores de 18 anos.


Classificação:

17 comentários:

  1. Oi, Bruna. Não tenho problemas com o gênero erótico, eu gosto bastante dele e gosto muito de um clichê. Depois de Big Rock, tenho certeza que irei amar essa obra tanto quanto a outra, porque fazem bem meu estilo.
    Beijos
    http://www.leitoraencantada.com/

    ResponderExcluir
  2. Ultimamente este gênero tem se tornado clichê, tudo mais do mesmo. Mesmo assim alguns livros são bons em seu todo, como você mencionou.
    Gosto da ideia dos personagens engraçados, isso trás leveza ao enredo hot. Peninha o final ter deixado a desejar, pelo menos de uma continuação.

    Beijos.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi.

    Este é um gênero que eu adoro. Estou muito curiosa com relação a escrita dessa autora. Já li sobre alguns livros dela, e cada um me chama mais atenção. Adorei a resenha e os personagens parecem ser muito bons. Adoro personagens engraçados, isso torna a leitura muito melhor. Nos permite maior aproximação e envolvimento com eles.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Oi, Bru.
    Adorei conferir sua resenha!
    Achei os personagens bem interessantes e até estava com vontade de ler, mas, ao saber que o livro tem muitas cenas de sexo desanimei da leitura, pois, realmente me incomodo com cenas desse tipo. Mas, fico feliz que a leitura tenha te agradado, com ressalva desse final.
    Bjo

    ResponderExcluir
  5. Olá Bru, tudo bom?
    Este também não é um gênero que costumo ler, mas confesso que estou bem curiosa para conferir devido a todas as resenhas positivas que venho lendo. Adorei saber que é um livro divertido e narrado do ponto de vista masculino, sem mimimi e enrolação. Enfim! Apesar de ser clichê eu vou dar uma chance! Adorei a resenha e as fotos ^^

    Beijos!!

    ResponderExcluir
  6. Oi Bruna...
    Eu sou completamente apaixonada por livros clichês e tenho que te dizer que Mister O está na minha lista desde o primeiro momento que encontrei resenhas pela internet.
    Acho que vai ser o primeiro livro que eu lerei do gênero narrado pelo POV masculino e eu to morrendo de curiosidade sobre o que eu vou encontrar!

    beijos
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  7. Oi, Bruna! Que bom voltar aqui! <3
    Eu confesso que nunca leio livros do gênero, apesar de ficar curiosa. rs Mas é bom saber que se trata de um livro engraçado e empolgante de ler. Gostei tb de saber que se trata de um ponto de vista masculino.
    Continuarei acompanhando as impressões sobre ele. ;)

    Bjs

    ResponderExcluir
  8. Oii Bruna, tudo bom? Adorei sua resenha e as fotos ficaram lindas! Eu já fui fã desse gênero e li bastante dele algum tempo atrás, mas acabei enjoando e só leio agora quando a história realmente me parece interessante ou é de um autor que eu já li e sei que vou gostar, e nesses termos acredito que não vou ler Mister O tão cedo... mas quem sabe futuramente eu me arrisque nos livros dessa autora; parecem estar agradando bastante :)
    Beijos!!

    ResponderExcluir
  9. Helloo, tudo numa nice?!
    Então esse definitivamente não é um gênero que eu leria. Para falar a verdade passo longe de livros com capas apelativas como essa. Mesmo com os pontos positivos que destacou passo a leitura, não é um livro pra mim. Além do mais detesto clichês e livros regrados de tudo isso não chamam a minha atenção.
    Beijin...
    Pieces of Alana Gabriela

    ResponderExcluir
  10. Oi. Bruna. Tudo bem?
    Bem, assim como você, eu não tenho muita afinidade com esse gênero de livro. Eu tenho um pouco de dificuldade de sair da minha zona de conforto, mas admiro a sua iniciativa, é sempre bom conhecer novos gêneros. Eu não fiquei muito interessado no livro e tem algumas características que não me agradam. Entretanto, foi bom saber que no geral você acabou gostando da história. Adorei ler sua resenha. Como sempre, muito bom escrita.
    Abraço 😀

    ResponderExcluir
  11. Bruna, apesar do modelo da capa ser indiscutivelmente lindo, não consigo respeitar capas assim... sério, acho muito apelativas. O enredo também não me chamou muito a atenção e esse final que você comentou, acho que me irritaria.
    Essa dica vou deixar passar.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Eu adoro livros narrados a partir do ponto de vista do homem porque geralmente é uma visão engraçada que torna tudo mais cômico. De fato o enredo me parece muito clichê mas isso não diminuiu meu interesse, muito pelo contrário, a capa é muito bonita e faz jus a história!

    ResponderExcluir
  13. Ai que preguiça. Hahahaha
    Eu odeio livros hots, e colocou na capa um cara sem camisa, eu já largo na mesma hora. Essa capa nem tem o rosto do homi, SÓ o tanquinho mesmo. E é uma história bem clichê, como quase todas essas do gênero. Deixo passar a dica, pra bem longe! rs

    ResponderExcluir
  14. Oi, li Big Rock e virei fã da autora. a Faro com certeza acertou em publicar a autora. Estão todos na minha lista rs. Bjs, Tell me a Book

    ResponderExcluir
  15. Olá!

    Li uma resenha sobre outro livro da autora e já tinha ficado interessada, após saber sua opinião sobre esse já me deu mais vontade de conhecer o trabalho dela por conta própria, já que uma pessoa que não curte muito o gênero gostou, eu que gosto devo adorar rs. Ótima resenha!!

    Beijos

    ResponderExcluir
  16. Olá,

    Uma amiga minha leu e amou esse livro, então estou bem empolgada para fazer essa leitura. Fiquei um pouco receosa em relação a esse final, pois não gosto de livros que ficam em abertos ou tem um final muito apressado. Mas, enfim, tenho muita curiosidade em relação a esse livro, porque tem uma premissa engraçada e promete render boas risadas aos leitores.

    Beijos,
    oculoselivrosblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Eu até estranhei quando vi o livro aqui, hahahaha. Mas a sua explicação valeu o espanto. Ainda não conhecia a obra, porém, fiquei super curiosa, principalmente com a Harper. Dica anotada.
    Bjim!
    Tammy

    ResponderExcluir