Featured Slider

Indicação de Suspenses


Olá pessoal, como vocês estão?

Vocês sabem que sou fã de suspense, certo? E é por conta disso que estava pensando que existem muitos livros do gênero, cujo título é Mulher alguma coisa. Vocês já notaram isso? Eu já li três livros que se enquadram nessa situação, seguram essas indicações 😉

Um crime brutal cometido há vinte anos, uma única sobrevivente, o retorno calculado do assassino. Em quem Victoria deve confiar? Neste thriller psicológico, Raphael Montes une romance e suspense em uma narrativa intrincada e sedutora.
Victoria Bravo tinha quatro anos quando um homem invadiu sua casa e matou sua família a facadas, pichando seus rostos com tinta preta. Única sobrevivente, ela agora é uma jovem solitária e tímida, com pesadelos frequentes e sérias dificuldades para se relacionar. Seu refúgio é ficar em casa e observar a vida alheia pelas janelas do apartamento onde mora, na Lapa, Rio de Janeiro.
Mas o passado bate à sua porta, e ela não sabe mais em quem pode confiar. Obrigada a enfrentar sua própria tragédia, Victoria embarca em uma jornada de amadurecimento e descoberta que a levará a zonas obscuras, mas também revelará as possibilidades do amor. Um psiquiatra, um amigo feito pela internet e um possível namorado ― qual dos três homens está usando tudo o que sabe para aterrorizar a vida de Vic? E o que afinal ele quer com ela?
Na literatura nacional, Raphael Montes é unanimidade quando se trata de livros de suspense. Uma mulher no escuro traz sua primeira protagonista feminina e confirma o autor como um dos mais originais da atualidade ― além de deixar o leitor intrigado do começo ao fim.

[Resenha] Garotas como nós, Dana Mele

Título: Garotas como nós
Autora: Danielle Steel
Editora: Universo dos Livros (cortesia)
Páginas: 384
Onde comprar: Amazon

“As palavras ecoam em meu cérebro. Foi uma morte violenta. A garota parecia tão calma, tão serena, mas a morte é algo pungente e severo. É violenta por definição.”

Garotas Como Nós conta a história da escola Bates, lá só meninas estudam e uma delas aparece morta em um lago depois de uma festa de Halloween. Jessica é a garota morta, primeiramente apontam como suicídio, mas depois de algumas perguntas, a polícia altera a investigação para homicídio. E aí as coisas começam a ficar feias para Kay Donovan.

[Lançamento] A Devolvida, Donatella Di Pietrantonio


Oioi pessoal, como vocês estão?

Donatella Di Pietrantonio é dentista e vive em Penne, Itália. Desde os seus nove anos de idade se dedica a escrever história, fábulas e romances. O seu primeiro e segundo livros foram premiados, mas foi com o terceiro livro – A Devolvida – que Donatella foi condecorada com o Prêmio Campiello. O livro vendeu mais de 150 mil exemplares apenas na Itália e os direitos foram vendidos para 15 línguas. É esse livro que chega agora em setembro no Brasil pela Faro Editorial.

Aos 13 anos, uma garota é levada do lar abastado onde vive para uma casa estranha e com pessoas que dizem ser seus pais e irmãos.
Na pequena cidade italiana todos conhecem sua história: ela é a criança que os pais naturais, pobres e de família numerosa, “deram” a um parente que não podia ter filhos e que este a devolveu quando a menina frequentava o ensino médio, não por maldade, mas porque a vida pode ser mais complexa do que imaginamos e nos força a fazer escolhas dolorosas.
Ela era a devolvida. Sentia-se como uma estrangeira na nova casa e, desde então, a palavra “mãe” travara em sua garganta. Privada até de um adeus por aqueles que sempre acreditou serem seus pais, ela se vê incrédula ao enfrentar o sofrimento de ser abandonada novamente de forma repentina.
“Minha vida anterior me distinguiu, me isolou na nova família. Quando voltei, falava outra língua e não sabia mais a quem pertencia”.
Forçada a crescer para reintegrar-se ao seu núcleo original, ela vive uma sensação de subtração, de gente esvaziada de significado, e nos ensina em meio à dor como encontrar sentido quando tudo parece desmoronar.

Achei a proposta desse livro incrível e não vejo a hora de ter o meu exemplar em mãos para ler. O que vocês acharam?

Beijos 😘

[Resenha] Para todas as pessoas intensas

Título: Para todas as pessoas intensas
Autor: Iandê Albuquerque
Editora: Outro Planeta | Selo: Planeta (cortesia)
Páginas: 221
Onde comprar: Amazon

O que mais amo na escrita do Iandê é a sua capacidade em dançar com as palavras certas pelas páginas de seus livros. Mais uma vez, estou encantada com a edição elaborada pelo selo Outro Planeta (da Planeta Livros Brasil).

A primeira coisa que percebemos nesse livro é que ele foi escrito para pessoas intensas demais, e isso é evidenciado em cada crônica e poema do autor. Conhecemos as pessoas: ansiosas demais, amáveis demais, perdidas demais, sozinhas demais, alegres demais, fieis demais, amigas demais e acima de tudo intensas demais!

Estamos de volta e com muita novidade!

Olá pessoal, como vocês estão?

Como vocês devem ter percebido, estamos de cara nova. Eu sentia que o antigo layout não me representava e agora trouxe o rosa e figuras geométricas que demonstram um pouco da minha profissão. Espero que vocês tenham gostado, porque agora, quando abro o site, sinto vontade de escrever, de criar conteúdo e me sinto, finalmente, satisfeita.


Mas, não é apenas sobre isso que quero falar com vocês hoje. Estou aqui para apresentar para vocês a Amazon Prime. Esse serviço chegou por aqui recentemente e é uma junção de vários serviços da Amazon, incluindo o frete grátis independente do valor, mas vou explicar melhor.