[Resenha] A rebelde do deserto - Alwyn Hamilton - A rebelde do deserto #1


Título: A rebelde do deserto
Série: A rebelde do deserto #1
Autora: Alwyn Hamilton
Editora: Companhia das Letras | Selo: Seguinte (cortesia)
Páginas: 283
Onde comprar: Amazon

"Apesar de tudo, aquele era o melhor plano à mão. Ele parecia conhecer Miraji melhor do que eu. E eu estaria mentindo se dissesse que não queria continuar perto dele. E mentir era pecado."

A rebelde do deserto, primeiro livro de uma série homônima, nos apresenta à história de Amani Al’Hiza, uma atiradora talentosa, dona de uma mira perfeita, que não consegue escapar da Vila da Poeira, uma cidade isolada que exige que ela seja submissa e se case de forma forçada.

Com o intuito de juntar dinheiro para fugir, ela participa de um campeonato de tiro, como homem, mas as coisas não dão muito certo e ela se vê viva apenas porque foi salva por um estrangeiro, Jin. A noite, infelizmente, não sai como ela planejou e, no dia seguinte, precisa voltar ao trabalho na loja de seus tios.

O que Amani não esperava era que Jin era um homem procurado e que a cidade seria tomada pelo exército. Tendo uma atitude que a coloca em risco, Amani se vê precisando tomar uma decisão difícil que mudará sua vida completamente.

“— Você não acredita em Deus?- Estive em muitos lugares – Jin disse. – E as pessoas creem em verdades diferentes. Quando todo mundo parece ter tanta certeza, é difícil acreditar que alguém esteja certo.”

Eu tinha muitas expectativas para ler esse livro, pois várias amigas tinham lido e amado, mas, quando comecei a ler e ver o que estava acontecendo, percebi que o livro não seria tudo aquilo que eu estava esperando. Não, o livro não é ruim, ele é muito bom, mas passou longe de ser o melhor do gênero que li.

A Amani é uma personagem forte, ela passou por maus bocados e não desiste de correr atrás de seus sonhos, mas sabe quando é tudo muito surreal? Foi assim que me senti com relação a ela. Já Jin, ele se apresenta como um problema, mas é extremamente apaixonante e foi o ponto alto do livro para mim, uma pena que ele tenha feito coisas que não gostei.


O desenrolar do livro é frenético, já que os personagens precisam fugir e se esconder para tentar um governo melhor para o Deserto de Miraji e isso foi muito bom, porque fez com que a leitura fluísse de forma rápida. O final deu um gosto de quero mais e me fez pensar porque ainda não tenho a continuação.

O ponto mais positivo para a história, no entanto, foi a forma sutil como a autora inseriu a fantasia e fez ela crescer e ganhar grandes proporções tornando-se importante e decisiva para a história. Nesse quesito, não me surpreendi com uma revelação que a autora dá sobre os personagens, mas gostei de ela ter feito o que eu imaginava.

Apesar de o livro não ter sido exatamente o que eu esperava e de a Amani ter me decepcionado um pouco, A rebelde do deserto é um livro que gostei de ter lido e que me deixou com muita vontade de ler os outros da série. Vocês já leram esse livro? Concluíram a série? O que acham dele? 😘

Classificação:

11 comentários

  1. Oi Bru! Eu particularmente tenho muita vontade de ler essa série, porque além da fantasia, tem essa ambientação no deserto, que até para mim, é uma coisa muito diferente e atrativa. Também escutei de muitas pessoas que essa série é muito boa, mas lendo suas impressões, acho que irei fazer a leitura um pouco menos empolgada.. Obrigada por compartilhar!

    Bjoxx ~ www.stalker-literaria.com ♥

    ResponderExcluir
  2. EU AMO ESSA SÉRIE!
    Acho que vc pode nao ter amado tanto, pois as expectativas estavam altas demais, vi muita gente falando mto bem do livro, mas isso pode estragar para quem for ler depois.
    Eu amei a Amani, ela é gente como a gente e vivendo na pobreza e com uma familia abusiva, ela tinha q se proteger mesmo e fazer de tudo pra sobreviver.
    O segundo livro será melhor, é o meu preferido.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  3. Olá,

    Ainda não fiz essa leitura, porém tenho muita vontade, os comentários sobre esse livro me deixam cada vez mais curiosa. Amani parece ser uma protagonista incrível, quero muito conhecê-la, posso estar enganada, mas ela me lembra muito a Celaena, que é uma personagem que amo muito. Enfim, estou ansiosa por essa leitura.

    Beijos,
    https://oculoselivrosblog.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. já ouvi falar muito desse livro, e sempre tive curiosidade, e depois da sua resenha fiquei mais curiosa ainda.
    que pena que você se decepcionou um pouco, mas assim que tiver a oportunidade, lerei!
    amei as fotos <3

    Virando Amor

    ResponderExcluir
  5. Oi, Bruna!
    Estou com esse livro na minha estante para criar coragem e começar a ler haha Todo mundo que vejo falando sobre essa história parece gostar muito dos livros justamente por causa do ritmo frenético que a trama tem durante todo o tempo, parece que a autora encontrou o ponto perfeito pra fazer a gente querer sempre mais ahaha acho que vou encaixar esse primeiro volume nas minhas leituras do mês porque você me deixou bem curiosa para saber como esses dois vão conseguir fugir.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Oi, Bruna! :D
    Já vi esse livro algumas vezes e sempre acho maravilhosa essa capa! Ainda não sabia muito sobre a trama, mas gosto muito desse cenário de deserto e é algo muito diferente do que eu estou acostumada a ver nas histórias que leio, então me interessei. Gosto de personagens fortes, então imagino que eu iria gostar da Amani. Nem imaginava que o livro também tinha elementos de fantasia e isso me fez sentir ainda mais vontade de ler. Ótimo post! Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Oi.

    Gente como eu adoro esse livro. Eu comprei na Bienal de 2016 e fui logo lendo. Não me arrependi da compra, eu amei a narrativa, os personagens, a mitologia, a mensagem que o livro traz. Agora estou morrendo de ansiedade para ler os ouros dois livros. Não vejo a hora de finalizar a trilogia.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  8. Oi Bru, tudo bem? Que pena o livro não ter sido tudo isso que voce esperava, a gente acompanha a leitura dos amigos e as vezes vamos com a expectativa nas alturas e a coisa acaba não fluindo, ne? Uma pena, mas ainda assim, acho bacana insistir na série, quem sabe ela nao melhore nos próximos volumes, né? Eu acho essa edição lindíssima.

    ResponderExcluir
  9. Olá, Bruna!

    O gênero fantasia não me atrai tanto, infelizmente. Por mais que tenha gostado de alguns livros que li não é um gênero que eu fique morrendo de vontade de seguir lendo. Todavia, te confesso que essa série me desperta curiosidade pelo tanto de gente que eu vejo falando bem sobre ela. São muitas pessoas mesmo! E fico me sentindo uma extraterrestre por ainda não ter lido.kkkkkkk...

    Lamento que a protagonista não tenha te agradado tanto assim por conta das coisas surreais. A impressão que eu tive é de uma personagem forte e decidida, que não se submete a nada e luta pelo que deseja. Já o Jin me deixa com um pé atrás por conta do que você disse de ele fazer certas coisas que você não gostou.

    É uma história que pretendo ler em algum momento, só não sei quando.rsrs

    Bjs!

    ResponderExcluir
  10. olá... desde que vi esse livro fiquei com certa curiosidade nele, e faz tempo que não leio uma Fantasia empolgante... de qualquer forma, tô evitando dar inicio a novas séries sem ter concluído as pendentes... ele tá numa lista de possíveis leituras... pena que não foi 100% satisfatório pra vc...
    bjs...

    ResponderExcluir
  11. Olá!
    Eu ainda não conhecia o livro, mas gostei da ideia da autora e acho que eu irei gostar da leitura, apesar de você não ter ficado tão surpresa com os fatos, talvez isso me incomode um pouco também, mas nunca custa nada tentar. Dica anotada!

    Traveling Between Pages

    ResponderExcluir