quinta-feira, 31 de agosto de 2017

[Resenha] A Vila dos Pecados, Soraya Abuchaim

Título: A Vila dos Pecados
Autora: Soraya Abuchaim
Editora: Coerência (cortesia)
Páginas: 447
Onde comprar: Loja da Editora | Saraiva

“Expectativas são sempre pessoais, e o ser humano procura, em qualquer tempo, alguém que as satisfaça por completo; é muita responsabilidade ser aquele que precisa suprir o que o outro espera”

A Vila dos Pecados nos apresenta à história de uma Vila inóspita, que vive à margem da civilização e que tem duas próprias e estranhas leis. Dr. Pina é o prefeito dessa vila e faz o que bem entende. Quer dizer, desde que o Padre Bento aceite o que pretende fazer. Mas tudo está prestes a mudar, Bento falece e a Igreja designa um novo padre para a Vila, Alfonso Anes, este, ao contrário do seu antecessor, não gosta do que encontra e quer mudar a situação daquelas famílias, mas encontrará diversas barreiras e segredos. Como ele poderá lidar com tudo e com esses misteriosos assassinatos que começaram acontecer?

Quis ler esse livro assim que ele foi lançado e o recebi há bastante tempo, mas comecei a ler e a leitura não me prendia, sentia falta de algo, mais ação, mais suspense, não sei. Mas, a trama tem algo muito positivo: a escrita da Soraya. Gente, como essa mulher escreve. Ela pega as palavras, domina de uma forma incrível!


Todos os personagens desse livro são cativantes, mas o Padre Bento me agradou. Ele é completamente humano, homossexual, não queria ser padre, mas aceita por ser uma imposição da família e sofre com isso. Acho que essa humanidade que a Soraya colocou nele foi um ponto muito forte para a trama. Também gostei muito do Alfonso, ele é bom por natureza, mas tem seus problemas e traumas e todos foram muito bem trabalhados. Já o Dr. Pina é um personagem odioso, mas ele ser assim, faz com que você o ame. Enfim, todos os personagens, indistintamente, foram bem construídos.

Meu único problema com relacionamento a esse livro é que o suspense que gira em torno da trama é totalmente previsível. Assim que aconteceu o primeiro assassinato, é possível descobrir quem comete e o motivo e apesar de eu não ter gostado muito dessa parte, é impossível não gostar do livro em geral, que tem uma escrita maravilhosa, como já disse e uma edição extraordinária.


Esse foi o primeiro livro que li da Soraya e já tenho vontade de ler até sua lista de supermercado. Outro ponto forte nela que eu gostaria de ressaltar é que a escrita dela tem muita referência ao mestre Stephen King, inclusive a estrutura do livro. Essa obra, de certa forma, me lembrou Sob a Redoma do autor e acho que os fãs dele gostarão muito do que encontrarão nesse livro.


Classificação:

11 comentários:

  1. Oi Bru!
    Gostei dos personagens. Parece bastante interessante mesmo você tendo dito que o suspense é previsível. E por fazer referências à Stephen King, já gostei!!! Fiquei interessada!
    bjs

    Amor Por Livros
    http://amo-os-livros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Hey!
    Não conhecia a obra, particularmente não gostei de um cara ser colocado como padre e ser homossexual, mesmo que ser padre não seja algo que lhe agrade. Mas achei interessante o fato dele não aceitar as coisas que aconteceram na cidade.

    ResponderExcluir
  3. Oi Bruna, talvez eu me decepcionasse com o suspense, mas ainda assim fiquei curiosa com a escrita da autora por causa dos seus elogios. Espero poder ler o mais rápido possível.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Oi, bruna!
    Essa premissa me instigou. Quais segredos essa vila esconde?
    Te entendo quando diz que falta mais suspense, mas a escrita do autor é bacana. Li um recentemente e achei isso também. rsrs... Ainda assim quero ler esse e ver se gosto. ^^ Obrigada pela dica!
    Beijão!
    http://www.lagarota.com.br/
    http://www.asmeninasqueleemlivros.com/

    ResponderExcluir
  5. Olá Bruna,
    Achei o enredo bem interessante. Nunca li nada do King então não sei se receberia essas referencia de forma positiva ou negativa.
    A previsibilidade do mistério pode me incomodar, mas sinto que esse é um livro que posso gostar ou posso gostar muito. rsrsrsrs
    Anotando a dica.

    Bjs,
    Garotas de Papel

    ResponderExcluir
  6. Puxa... Adoro escritores que sabem usar bem as palavras.
    Adoro quando a gente fica com essa vontade igual a que você teve de ler até a lista de supermercados da autora. rsrs
    Eu me interessei muito pela história desde o quote que você colocou no início.
    Me pareceu realmente ser um livro muito bem escrito. Queria ler mais quotes, Bruna! rsrs
    Gratidão pela indicação do livro! Amei!

    Eliziane Dias

    ResponderExcluir
  7. Poxa, quando li a sinopse já fiquei feliz porque é um livro de mistério diferente e quando vi que a gente já descobre quem é o assassino me desanimou. Mas a questão do mistério por trás é muito legal. Isso parece dar uma boa narrativa.

    Greice

    Blogando Livros

    ResponderExcluir
  8. Oie!

    Eu adoro a capa dessa obra, mas infelizmente ela não desperta meu interesse, gosto bastante de livros de mistério, mas puxado para um lado diferente da proposta dessa obra, mas de qualquer forma fico feliz que tenha gostado da leitura, mas passo a dica dessa vez!

    Bjs, Sorteio Ativo, serão 3 ganhadores e um deles levara para casa um Exemplar de Fuck Love da Faro Editorial! Não perca essa oportunidade!
    http://resenhasteen.blogspot.com.br/2017/08/sorteio-do-desapego-3-ganhadores.html

    ResponderExcluir
  9. Ainda não conhecia esse livro, mas de cara já fiquei impressionada com a capa, por isso acabei me interessando pela história.
    Ao ler sua resenha fiquei um pouco decepcionada ao descobrir que algumas coisas são previsíveis, mas estou disposta a superar essa pré decepção e arriscar hehehe

    ResponderExcluir
  10. Oiii Bru ♥
    AiAi, o famigerado livro que divide opiniões entre os leitores kkkkk. Leio várias resenhas dessa obra, e em todas o blogueiro cita que o desfecho é totalmente evidente, o que acaba "tirando" um pouco a vontade do leitor de continuar, já que a motivação de continuar e descobrir quem cometou o at, já é previsível.

    Não tenho vontade ler. Embora essa edição seja tão linda, editora Coerência arrasa sempre.

    Amo seu blog ♥
    Beijão.

    ResponderExcluir
  11. Oi
    Eu nao conhecia a autora ou suas obras.
    O enredo parece ser bem diferente, mas um ponto negativo pra mim é a previsibilidade de quem é o assassino. Adoro criar teorias quando leio um livro com essa temática e adoro quando o autor consegue me "enganar".
    Mas, no geral, parece ser um enredo que me agradaria.
    Adicionei a lista.
    Beijos.

    ResponderExcluir